:: Blog da Reeleição .:. LULA 2006 ::: Por que vou votar em Lula de novo

segunda-feira, maio 22, 2006

Por que vou votar em Lula de novo




















Trecho de um texto recomendado por Caio Valério Catulo, leitor do blog:


por Angelo “Deppe” Roncalli

(...) Assim se pôs Lula no poder. Apenas uma caricatura do Lula de 1989, mas ainda um feito inacreditável, com um representante das classes populares, vindo do movimento sindical e da luta pela democracia, retirante nordestino e sem curso superior chegando ao topo máximo da carreira política. Foi uma campanha histórica, uma votação e uma posse igualmente históricas. Poucos se dão conta da carga simbólica que um trabalhador na presidência da república traz, é algo que vai além de nossa compreensão. O problema é que a miríade de eleitores pertencentes às estirpes antes descritas agora guardavam distintas expectativas.

Foram três anos e poucos meses bastante difíceis e não poderia ser o contrário. De um certo deslumbramento inicial se caiu na real logo cedo: a oposição não vai deixar barato. O PT pagou caro pelo pragmatismo político de ter que compor com figuras como Roberto Jefferson, arauto da república das Alagoas de Collor, e de ter crescido tumoralmente. Seu discurso da ética na política (em seu sentido estrito) não era mais possível frente ao sem número de arranjos que teve que fazer. O PT crescera e com todos os vícios possíveis. Os poucos avanços que foram conseguidos a duras penas e que ainda davam um certo diferencial em seu governo foram totalmente enevoados pelo esquema do mensalão. A imprensa nos fez pensar que, de uma hora para outra o país se descobriu corrupto, com o “maior esquema de corrupção da história” sendo descortinado. Figuras políticas do quilate de ACM Neto e Arthur Virgílio se transformaram ironicamente em grandes defensores da honestidade.

Assim, pouco importa que o mensalão seja uma teoria conspiratória insustentável política e operacionalmente. Tampouco que o valerioduto já estivesse construído sob fortes alicerces desde o império do tucanato. Também podemos esquecer os 200 mil reais que Ronivon Santiago recebeu para votar pela reeleição de FHC e podemos ignorar que os escândalos do tipo Marka Fonte-Cindam movimentaram muito mais dinheiro e locupletaram muito mais gente. Importa para a grande imprensa é que isso não poderia ter sido feito pelo PT. Aceita-se que ACM fraude o painel de votação do senado, mas um militante petista não pode nem sonhar em mijar fora do penico. É o modo de fazer política à brasileira e o PT se tornou refém dele. Num piscar de olhos, a luta de 26 anos de um dos mais importantes partidos do país virou fumaça e a agremiação que alberga as nossas melhores cabeças passou a ser lembrada como a casa de Delúbio Soares.

Desse modo, o PT não é formado por Delúbios e o Lula paz e amor de 2002 não é o Lula de 1989. Mas também não é FHC. Nem se compara. E é por isso vou votar em Lula de novo. E não é só porque entra mais preto e pobre na Universidade, nem pelo risco Brasil, nem pela dívida quitada com o FMI, nem muito menos por conta dos indicadores econômicos. Também não é pelo bolsa-família que retirou milhares da linha de pobreza. Nem por causa do micro-crédito e do salário-mínimo de 130 dólares e nem por trabalhar há 12 anos numa Universidade pública e ver sinais de melhora pela primeira vez. Também não é porque a América Latina mostra sua cara depois de décadas, com governos de apelo popular, os quais o Brasil tem assumido a liderança. Muito menos porque a abissal e histórica desigualdade social diminuiu pela primeira vez em 506 anos.

Voto em Lula porque consigo ver em seu sorriso algo de sincero. Porque ele chora, sem se importar que as lágrimas sejam públicas. Porque ele teve dor de dente.

Voto em Lula porque ele joga pelada no fim de semana e toma umas e outras, porque seu português ruim é igual ao meu. Por que ele quebra protocolo e porque é cínico o suficiente para fazer campanha enquanto governa. E porque não tem coisa mais deliciosa do que ver Agripino Maia sendo oposição.

Voto em Lula porque Gilberto Gil dá uma canja na ONU acompanhado pela timba de Kofi Annan e porque Marina Silva aprendeu a ler com 16 anos e é ministra do meio-ambiente. Porque é o partido com os melhores quadros do país. Porque tem Emir Sader, Tarso Genro, Aloísio Mercadante, Eduardo Suplicy e Fernando Mineiro.

Voto porque Celso Daniel morreu, porque Chico Mendes morreu e porque Vlado morreu. Porque o coronel Pantoja ainda está solto, porque o cidadão brasileiro ainda carrega um trabuco, porque ainda se morre no campo e porque ainda se morre na cidade. Porque ainda tem flanelinha malabarista no semáforo, porque louco ainda vai pro manicômio e porque meu carro não tem freio ABS e nem airbag duplo. Porque ainda há muito o que fazer.

Enfim, voto em Lula porque Chico Buarque e Paloma Duarte também votam nele. E porque Beatriz Segall não votou e nem votará nele.


Leia na íntegra

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home